Notícias

Laís Nunes – #partiujapão2021

Laís Nunes venceu as duas lutas na fase de grupos da categoria 62 kg. Primeiro, bateu a canadense Michelle Fazzari (medalhista de bronze no Campeonato Mundial de 2017) por 6 a 1. Na sequência, confirmou a classificação entre as quatro melhores ao bater a dominicana Yessica Oviedo por 9 a 3.

Na semifinal, uma velha conhecida: a venezuelana Nathaly Grimán, mesma adversária enfrentada por Laís na disputa da medalha de bronze dos Jogos Pan-Americanos de Lima em 2019.

Laís não teve vida fácil e também saiu atrás no placar na semifinal. A brasileira empatou a luta em 1 a 1 a menos de dois minutos do fim e conseguiu a virada logo na sequência. Quando faltavam apenas 6 segundos, a venezuelana aplicou um golpe em Laís que por pouco não entrou. Grimán pediu a revisão, mas os juízes mantiveram a decisão, classificando assim a brasileira para os Jogos.

Segunda participação em Olimpíadas

Tóquio será a segunda Olimpíada da carreira de Laís. Ela já esteve na Rio 2016. Para se classificar, venceu as duas lutas da fase de grupos da categoria até 62 quilos, superando por 6 a 1 a canadense Michelle Fazzari, medalhista de bronze no Mundial de 2017, por 6 a 1 e, na sequência, a dominicana Yessica Oviedo por 9 a 3.

Na semifinal, diante da venezuelana Nathaly Grimán, a luta estava empatada em 1 a 1 faltando menos de dois minutos para o final, quando a brasileira conseguiu a vantagem que a levou para a Olimpíada.

A carreira de Laís Nunes vem alcançando uma trajetória vitoriosa. Em 2019, ela ganhou sete medalhas em competições internacionais. Conquistou ouro no Pan-Americano de Wrestling, duas pratas nos torneios Bill Farrell e Dave Schultz Memorial, e quatro bronzes, nos Jogos Pan-Americanos, Jogos Mundiais Militares, Grand Prix da Espanha e Torneio Cidade de Sassari. No Pan deste ano, disputado dias antes em Ottawa, Laís conquistou medalha de bronze.

A atleta foi eleita pelo COB (Comitê Olímpico Brasileiro), a melhor do país na modalidade nos anos de 2018 e 2019.

O wrestling reúne vários estilos e categorias de lutas. A Prefeitura de São José dos Campos apoia a modalidade por meio da LIF (Lei de Incentivo Fiscal).